Belo Monte, referencia internacional do movimento contra barragens

Posted on 22 June 2012 by admin

Por Mario Osava

RIO DE JANEIRO, 22 junho (TerraViva) – O mo√ßambicano Jeremias Vunjanhe conseguiu, na ca√≥tica C√ļpula dos Povos, encontrar os ativistas do Movimento Xingu Vivo que denunciavam a criminaliza√ß√£o dos seus ativistas pela policia de Altamira, no interior do Par√°.

Vunjanhe tornou-se conhecido no encontro da sociedade civil da conferencia Rio+20, ao ser deportado no dia 12 de junho, quando desembarcava no aeroporto internacional de Guarulhos. Barrado pela Policia Federal, teve seu passaporte retido e devolvido ‚Äútr√™s horas depois j√° dentro do avi√£o‚ÄĚ de regresso a Mo√ßambique, contou a TerraViva.

Manifestação contra a construção de Belo Monte.

O carimbo no seu passaporte diz que foi ‚ÄúImpedido‚ÄĚ de entrar no pa√≠s porque ‚Äúconsta no SINPI‚ÄĚ, siglas de Sistema Nacional de Procurados e Impedidos, apesar de ter um visto de entrada concedido pelo consulado brasileiro em Maputo.

A solidariedade de 80 organiza√ß√Ķes e negocia√ß√Ķes com a chancelaria brasileira permitiram que viesse ao Brasil com novo visto. Recebido com festas no Aeroporto do Gale√£o dia 18, participou dos √ļltimos quatro dias da C√ļpula dos Povos, onde trouxe denuncias sobre viol√™ncias da brasileira Vale contra os desalojados por suas atividades mineiras em Mo√ßambique.

Membro da ONG Justi√ßa Ambiental, denunciou tamb√©m a amea√ßa que representa a hidrel√©trica de Mphanda Nkuwa, que a Camargo Correia, uma das grandes empreiteiras brasileiras, construir√° no Rio Zambeze, em sociedade com duas empresas locais, com investimentos previstos de 2,4 bilh√Ķes de d√≥lares.

Da√≠ seu interesse em estabelecer uma troca de informa√ß√Ķes e experi√™ncias com o Xingu Vivo, tamb√©m procurado por G√ľven Eken, diretor-executivo da ONG Doga Denergi, da Turquia.

Represas atingem povos em todo o mundo, ‚Äúa solu√ß√£o tem que ser global‚ÄĚ, disse Eken, pregando ‚Äúuni√£o para defender os rios‚ÄĚ. Enquanto Belo Monte amea√ßa a Amaz√īnia, a hidrel√©trica Ilisu, no Rio Tigre, amea√ßa a Mesopot√Ęmia, ber√ßo da civiliza√ß√£o, salientou.

O encontro foi convocado pelo Movimento Xingu Vivo para Sempre (MXVPS) para informar sobre os interrogat√≥rios a que a Delegacia de Altamira est√° submetendo participantes da manifesta√ß√£o do dia 16, no √Ęmbito do Xingu+23, uma serie de atos de protesto contra Belo Monte na pr√≥pria regi√£o, durante a semana passada.

No dia 16 manifestantes cavaram uma vala numa das ensacadeiras, para deixar escorrer a √°gua, num gesto simb√≥lico em favor do livre fluxo do Rio Xingu. Ap√≥s o ato, alguns √≠ndios invadiram escrit√≥rios da Norte Energia, cons√≥rcio que constr√≥i a usina, danificando equipamentos e instala√ß√Ķes.

Est√£o tentando criminalizar a resist√™ncia ao ‚Äúmonstro Belo Monte‚ÄĚ, quando os culpados pela viol√™ncia s√£o o pr√≥prio Governo Federal, o Poder Judici√°rio e o cons√≥rcio construtor, que violam a legisla√ß√£o, impondo uma licen√ßa de implanta√ß√£o da hidrel√©trica, sem que as condicionantes estabelecidas com base nos estudos de impacto ambiental tenham sido cumpridas, protestou Antonia Melo, l√≠der do Movimento.

S√≥ os atingidos s√£o criminalizados, enquanto se privatiza um bem p√ļblico como o rio, a Norte Energia, ‚Äúmaior latifundi√°ria da regi√£o‚ÄĚ, tem propriedades legalizadas em tr√™s munic√≠pios e os pequenos agricultores nunca recebem seus t√≠tulos de propriedade, s√£o desalojados sem indeniza√ß√£o, enfatizou Ana La√≠de Barbosa, do Conselho Indigenista Mission√°rio de Altamira.

O governo e as empresas implantaram um clima de ‚Äúterror jur√≠dico‚ÄĚ na regi√£o para ‚Äúimobilizar a luta‚ÄĚ conta Belo Monte e ‚Äúcalar ativistas‚ÄĚ, opinou o advogado Sergio Martins, da Sociedade Paraense de Defesa dos Direitos Humanos, que presta assist√™ncia aos ativistas.

A repercussão dos fatos envolvendo Belo Monte, com personalidades conhecidas em todo o mundo aderindo ao movimento contra a hidrelétrica, tornou esse empreendimento uma referencia internacional dos atingidos por barragens. (TerraViva)

(FIM/2012)

Download PDF File

Download TERRAVIVA PDF File
Download TERRAVIVA PDF File   Download TERRAVIVA PDF File

 
ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT

 
Expo Milano
 

Photos from our Flickr stream

See all photos

RECENT VIDEOS

Terraviva talks to Giuseppe Sala, CEO of EXPO Milano 2015 Expo Milano 2015 is in Rio to kick off its global dialogue on food and energy. During a side on June 21, CEO Giuseppe Sala gives an overview of the Expo 2015 that will run from May to October in Milan, Italy.more >>.

Upcoming Events


 

RSS News from our partners

  • Are you ready to Connect4Climate?
    World Bank's social media campaign engaged African youth caring about climate change.
  • Natural capital accounting
    Thomson Reuters Foundation and the World Bank have jointly produced a video explaining the concept of ‚Äúnatural capital accounting‚ÄĚ in the run-up to the Rio+20 summit on sustainable development. The seven-minute video news release (VNR) was created as part of a World Bank campaign for countries to carry through on promises to include the full [...]
  • IUCN World Conservation Congress
    IUCN, the International Union for Conservation of Nature, is a long standing member of COM+. It helps the world find pragmatic solutions to our most pressing environment and development challenges by supporting scientific research; managing field projects all over the world; and bringing governments, NGOs, the UN, international conventions and companies together to develop policy, [...]
  • IFC, Union for Ethical BioTrade Encourage Businesses to Protect Biodiversity in Latin America
    Rio de Janeiro, Brazil, June 17, 2012‚ÄĒIFC, a member of the World Bank Group, and the Union for Ethical BioTrade today announced an agreement at the Rio+20 Conference to increase private sector awareness of biodiversity and strengthen market frameworks for protecting it in Latin America. In addition to aiding environmental conservation, the partnership will help [...]
  • Rio de Janeiro e Banco Mundial lan√ßam in√©dito Programa de Desenvolvimento de Baixo Carbono da Cidade
    RIO DE JANEIRO, 18 de junho de 2012 – A Cidade do Rio de Janeiro e o Banco Mundial lan√ßaram hoje, durante a C√ļpula dos Prefeitos ‚Äď evento paralelo √† Confer√™ncia das Na√ß√Ķes Unidas sobre Desenvolvimento Sustent√°vel-Rio+20 ‚Äď, um programa pioneiro na esfera municipal para colocar em pr√°tica a√ß√Ķes para o desenvolvimento de baixo carbono [...]

Sponsors and Partners of TerraViva Rio + 20


 
   
 
 
   
 
 

TerraViva is an independent publication of IPS Inter Press Service news agency. The opinions expressed in TerraViva do not necessarily reflect the editorial views of IPS or the official position of any of its sponsors or partners.
 

SOCIAL MEDIA